Escute nossa rádio transmissão ao vivo

Museu da Imagem e do Som de Alagoas recebe exposição “Retrato Reencanto”

Redação com Secult/AL
30 junho 2023

A artista multimídia Izabella Vitória realiza, entre os dias 7 de julho a 7 de agosto, a exposição “Retrato Reencanto”, no hall principal do Museu da Imagem e do Som de Alagoas (Misa), localizado no bairro do Jaraguá, em Maceió. A abertura será às 10h30.

Com a mediação da produtora e organizadora Madlane Delfino, a exposição reúne 13 obras focadas em homenagear personalidades culturais alagoanas. O intuito é estimular uma inspiração livre e de pertencimento no imaginário da população através de um cenário que mulheres e mestras de cultura são ressaltadas, mostrando suas revoluções individuais como força de movimentação, criando o desejo de um mundo possível.

“O tema principal da exposição é propor um reencontro com o mundo e as nossas tradições, e parte, também, da luz lançada de volta às mulheres que sempre estiveram aqui”, disse a artista.


Sobre a artista

Izabella Vitória tem um currículo vasto na área cultural, focando principalmente na cidade de Arapiraca, tendo produções com artistas das mais diversas áreas. Sua primeira exposição individual, "Casa de Passagem", aconteceu em 2019, a partir de um projeto em colaboração com o abrigo Maria das Neves, no município arapiraquense.

É mediadora em eventos culturais, feiras e festivais desde 2017. Também fez mediação em algumas mostras Aldeias (SESC) ocorridas em Arapiraca entre 2016 e 2019.

Colaborou com artistas e produções entre feiras e festivais de arte e cinema, entre eles o I Festival de Cinema de Arapiraca - 2022, como também em obras visuais, audiovisuais e álbuns musicais tanto na criação de capas para álbuns e singles, cenários, indumentárias e produção de arte para clipe musical.

No audiovisual, assina a direção dos curtas-metragem "O Canto", financiado pela Ancine e produzido pela Ceu Vermelho Fogo Filmes, e "O funeral de Amarilis", produção independente apoiada pela Lei Aldir Blanc, em etapa de finalização. Co-dirigiu o documentário "Ana Terra" (2019) e colaborou nas produções "Nós Duas" (2021) dirigido por Leandro Alves e Wellima Kelly, e "A Fresta" (2022), dirigido por Nilton Resende.

 

A artista também fundou, em 2018, o Ateliê Agrestina, com uma proposta de experimentação e produções híbridas, e realizou duas edições do MAMA – Mostra de Arte de Mulheres Alagoanas, em 2020 e 2022.

Deixe uma resposta

Anúncios

2021 - WebRádio Paraiso - Todos os direitos reservados
contato@paraisowebradio.com.br
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram